Tribunal de Justiça elege desembargador Fábio Clem como novo presidente

Para a função de vice-presidente foi eleito o desembargador Djair José Bregunce de Oliveira, enquanto o desembargador Carlos Simões Fonseca será o novo corregedor-geral da Justiça. O vice-corregedor será o desembargador Róbson Luiz Albanez

0
11
O Pleno do TJES elegeu o desembargador Fábio Clem de Oliveira o novo presidente. Foto: Divulgação

O Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) elegeu, na quinta-feira 07, a Mesa Diretora do Poder Judiciário Estadual no biênio 2022/2023. À unanimidade de votos, o Tribunal Pleno escolheu o desembargador Fábio Clem de Oliveira para o cargo de presidente da Corte. Já para a função de vice-presidente foi eleito o desembargador Djair José Bregunce de Oliveira, enquanto o desembargador Carlos Simões Fonseca será o novo corregedor-geral da Justiça. O vice-corregedor será o desembargador Róbson Luiz Albanez.

A eleição para o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-ES) também foi unânime. O desembargador José Paulo Calmon Nogueira da Gama será o novo presidente do TRE-ES, que terá o desembargador Namyr Carlos de Souza Filho como vice-presidente/corregedor. Como primeiro suplente, foi escolhido o desembargador Telêmaco Antunes de Abreu Filho e a desembargadora Janete Vargas Simões como segunda suplente.

Já o Conselho Superior da Magistratura será formado pela Mesa Diretora (presidente, vice-presidente e corregedor-geral) e terá como membros vogais a desembargadora Eliana Junqueira Munhós Ferreira e o desembargador Jorge do Nascimento Viana, e como suplentes vogais os desembargadores Ewerton Schwab Pinto Júnior e Fernando Estevam Bravin Ruy.

O mandato do atual presidente, desembargador Ronaldo Gonçalves de Sousa, se encerra em dezembro. A data da eleição da nova Mesa Diretora foi definida para respeitar o prazo de transição entre as duas gestões, conforme é determinado pela Resolução nº 95/2009 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). A posse dos eleitos está prevista para dezembro, em sessão solene do Tribunal Pleno, em data a ser ainda definida.

PUBLICIDADE