Hospital Materno Infantil da Serra completa um mês

Quando estiver operando, na sua totalidade, a partir de abril/maio deste ano, o hospital terá capacidade mensal para 638 internações obstétricas de risco habitual e 255 de risco alto

0
47
Foto: Edson Reis/Secom-PMSNo último dia 19 o Hospital Municipal Materno Infantil completou um mês de funcionamento na Serra

Por Debora Hemerly
Em funcionamento desde 19 de fevereiro, com o propósito de oferecer atendimento humanizado para mãe e filho, no Hospital Materno Infantil, na Serra, já foram realizados, até o dia 17, 286 partos, sendo 198 normais e 88 cesarianas. Neste primeiro momento, a unidade conta com 50 leitos para alojamento de gestantes e puérperas de risco habitual, Centro Obstétrico com três salas cirúrgicas e sete quartos PPP (de Pré-Parto, Parto e Pós-Parto), exames de imagem e laboratoriais e sala de vacina.

Quando estiver operando, na sua totalidade, a partir de abril/maio deste ano, o hospital terá capacidade mensal para 638 internações obstétricas de risco habitual e 255 de risco alto, além de 51 internações de cirurgia pediátrica; 128 internações de ginecologia clínica e cirúrgica; 55 internações em Unidade de Terapia Neonatal (UTIN); 51 internações de Tratamento Intermediário Neonatal Convencional (UCINCO); 26 internações em Unidades de Tratamento Intermediário Neonatal Prematuro (UCINCA), ou leito-canguru; 51 internações em Unidade de Terapia Intensiva Adulta (UTI); isso sem contar com as 3.240 consultas de pronto-socorro e 2.304 consultas em ambulatório de especialidades.

Parto humanizado é o grande diferencial
O conceito de parto humanizado vai além da forma de nascimento. Os momentos que preparam mãe e bebê para a “grande hora” podem inclui banho relaxante, dancinha coreografada para “soltar” os quadris, e, principalmente, em deixar a mãe livre até encontrar a melhor posição para ficar nos momentos de dor.

PUBLICIDADE