Vitória é a líder entre as capitais nacionais com mais de 91% da população de idosos vacinados com a dose de reforço

A informação é do Ministério da Saúde e do IBGE e leva em conta dados contabilizados até o último dia 4 de dezembro

0
21
O prefeito Lorenzo Pazolini comemora o primeiro lugar no ranking nacional e atribui os resultados ao bom planejamento e execução dos trabalhos realizados por toda equipe envolvida

Vitória se tornou na manhã de domingo 12 a capital do Brasil que mais aplicou a dose de reforço em pessoas com 60 anos ou mais atingindo um índice de 91,3% deste público vacinado. A informação é do Ministério da Saúde e do IBGE e leva em conta dados contabilizados até o último dia 4 de dezembro.

O prefeito Lorenzo Pazolini comemora o primeiro lugar no ranking nacional e atribui os resultados ao bom planejamento e execução dos trabalhos realizados por toda equipe envolvida: “Recebemos com muita satisfação a notícia de Vitória ser hoje destaque nacional, em 1º lugar como a capital que mais vacinou com a dose de reforço o público de 60 anos ou mais. Temos neste domingo um número de quase 730 mil doses aplicadas no município. É enfrentamento, é dedicação, é trabalho realizado. Desde o início da nossa gestão não descansamos quando o assunto é saúde pública, vacinando a população e combatendo o coronavírus”.

Nosso lema desde o início foi ‘vacina chegou, vacina no braço’ e trabalhamos de maneira integrada com a secretaria municipal de Saúde para que essa dose de saúde e esperança chegasse para todos os moradores da cidade. Aproveito a feliz ocasião para parabenizar a nossa secretária Thais Cohen e toda a sua equipe pela condução dos trabalhos à frente da Saúde”, completou Pazolini.

Alcançar essa marca é fruto de um trabalho coletivo bem ordenado por uma gestão técnica, unindo ciência, planejamento estratégico resolutivo e dinâmico, comprometimento e competência dos profissionais de saúde e o apoio de múltiplos parceiros e sociedade. Neste contexto, o prefeito Lorenzo Pazolini não poupou esforços e investimentos, para que todas as estratégias de acesso e celeridade fossem executadas, sob o entendimento de que a vacina era o caminho para preservarmos vidas e para a retomada da economia, da educação, da saúde“, disse a secretária de Saúde de Vitória, Thais Cohen.

Hoje, 729.072 doses da vacina contra a covid já foram aplicadas em Vitória. Destas, 330.352 referem-se à primeira dose, 316.694 à segunda dose e 82.026 a dose de reforço. A secretaria possui ainda campanhas e ações que têm levado vacinas até a população.

PUBLICIDADE