Serra consolida o ano com redução de quase 15% de mortes no trânsito

Os números mostram que a taxa de mortes no trânsito da Serra está em 9,87% a cada 100 mil habitantes

0
4
Foto: Divulgação

Por Leonardo Quarto

O município da Serra fechou 2021 com uma redução de 14,5% nos acidentes de trânsito com morte nas vias que cortam a cidade. Foram 53 registros em 2021 contra 62 de 2020. Esses números mostram que a taxa de mortes no trânsito está em 9,87% a cada 100 mil habitantes, abaixo da média estadual, de 15,8. É importante destacar que o município registra 11% de toda frota estadual. Ao todo, o Departamento de Operações de Trânsitos (DOT) realizou 114 operações e abordou 1.534 veículos.

Mesmo sendo cortada por uma via federal e outra estadual, BR 101 e ES 010, a Serra conseguiu, após intenso trabalho do DOT, reduzir essa triste estatística. “Nosso trabalho de educação, além das constantes operações de abordagem a veículos contribui muito para reduzir esses índices”, declarou o diretor do DOT, Fábio Alves.

Apesar do empenho do poder público em prevenir acidentes de trânsito, Fábio ressalta que a sociedade tem um papel fundamental na busca pela diminuição das mortes no trânsito, pois “a fiscalização é importante, principalmente o trabalho cooperado que fazemos com as demais forças: Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar, Detran-ES e SAMU”.

Educação nas escolas

A Serra será o primeiro município do Espírito Santo a ter em sua grade curricular a disciplina de “Educação para o Trânsito”. O conteúdo será desenvolvido por meio de literatura própria, com livros do aluno e do professor, além de aulas práticas e já estará na grade curricular de 2022. os professores das escolas municipais de Ensino Fundamental (EMEfs) serão capacitados pelo Projeto Cidadania em Trânsito na Escola, por meio do Núcleo de Educação para o Trânsito, do Departamento de Operações de Trânsito da Serra (DOT). Além disso, os professores contarão com suporte dos agentes de trânsito na escola, ao longo do ano. Os estudantes terão aulas práticas na “Transitolândia”, que será instalada no Parque da Cidade, em Laranjeiras.

PUBLICIDADE