Novas botoeiras aumentam segurança em cruzamentos de Vitória

O equipamento tem como função sinalizar a demanda por travessia de via

0
13
Botoeira instalada na Avenida Jerônimo Monteiro

Por Fabrício Faustini
O número de botoeiras instaladas em semáforos de Vitória aumentou, praticamente, oito vezes mais em menos de um ano e meio. O equipamento tem como função sinalizar a demanda por travessia de via.

Em janeiro de 2021 a Capital possuía 40 botoeiras, número que deverá avançar para 310, ainda neste mês, com a iniciativa da secretaria de Transportes, Trânsito e Infraestrutura Urbana de Vitória que, já no ano passado, instalou 26 dispositivos que proporcionam mais segurança aos pedestres. Atualmente, há 66 botoeiras instaladas em 30 cruzamentos de maior movimento em Vitória.

Tecnologia
As botoeiras têm, também, a escrita em braille e servem aos deficientes visuais. Possuem sinal sonoro, alerta de voz e estão adequadas à resolução 704/2017 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). De acordo com o secretário municipal de Transportes, Trânsito e Infraestrutura Urbana, Alex Mariano, proporcionalmente, a quantidade de botoeiras instaladas em Vitória era limitada e precisava crescer. “Somente agora em maio serão novas 244 botoeiras“, comemorou.

Adensamento
O gestor explicou que os dispositivos agregam e são muito úteis à sinalização vertical nos cruzamentos de maior adensamento onde pedestres sentem dificuldade maior para se locomoverem. Segundo o gestor, as botoeiras são instaladas, na maioria dos casos, em trechos retos, onde há grande número de pedestres transitando e existe a dificuldade na travessia pela intensidade de fluxo de veículos. Todos os pontos são avaliados antes da instalação dos equipamentos. “As botoeiras estão situadas, principalmente, em regiões próximas a comércios, escolas ou áreas que costumam, em determinados horários do dia, concentrar número elevado de pessoas para atravessar as vias no mesmo instante, permanecendo o sinal verde durante todo o restante do tempo sem comprometimento do trânsito“, explicou o gerente de fiscalização de trânsito da Setran, Henrique Gobbi Soares.

PUBLICIDADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui