Mais uma casa é entregue em Conquista no contrato de 42 reconstruções

O beneficiário com a reconstrução de sua casa foi Miguel Duarte, 60 anos, há 52 anos morador da região

0
12
O prefeito Lorenzo Pazolini entrega a casa reconstruída em Conquista. Foto: Jansen Lube/PMV

Por Marcus Monteiro

Mais um beneficiário recebeu a sua casa refeita no contrato de reconstrução de 42 unidades habitacionais situadas no bairro Conquista, em Vitória, aumentando para 12 o número de famílias já beneficiadas. Esta é a quarta residência a ser entregue desde o último dia 26, quando três famílias da região também foram contempladas. A iniciativa faz parte do projeto Reconstrução e o investimento é R$ 4.696.248,01. As obras já estão 49% concluídas, sendo que alguns imóveis estão em fase adiantada de reconstrução.

O beneficiário com a reconstrução de sua casa foi Miguel Duarte, 60 anos, há 52 anos morador da região. “Passei a morar aqui com oito anos de idade. Morava em um barraco de lona, que depois passou a ser de madeira. Agora, tenho minha casa em alvenaria. Agradeço à prefeitura por essa vitória”, disse Miguel.

“É um importante momento na vida do seu Miguel e uma satisfação para nós entregarmos mais uma casa reconstruída aqui em Conquista. Estamos proporcionando dignidade para mais uma família do bairro. Uma casa nova permite mais segurança, principalmente neste momento que vivemos de pandemia, pois com ela vem o acesso à água encanada, esgoto tratado e energia elétrica. Vamos continuar entregando casas reconstruídas aqui no bairro”, disse o prefeito Lorenzo Pazolini.

No total, são R$ 17 milhões investidos em urbanização nessa região da capital. Esta é a terceira modalidade de intervenção no bairro Conquista voltada para a melhoria da qualidade de vida das pessoas. A primeira foi a reforma de 51 residências. Na área de infraestrutura, a Prefeitura de Vitória está urbanizando o bairro com a execução de rede de esgoto, água potável e drenagem para captação e transporte de águas das chuvas, além de reforma e construção de escadarias e rampas.

PUBLICIDADE