Deputado Marcelo Santos apresenta na Findes projeto sobre desburocratização

O projeto foi desenvolvido a partir de um grupo de trabalho coordenado por Marcelo Santos, no qual foram discutidos os gargalos que impactavam no andamento de projetos públicos no Estado

0
10
Deputado Marcelo Santos e Cris Samorini. Foto: Alexandre Mendonça

A Federação das Indústrias do Espírito Santo (Findes) recebeu o deputado estadual Marcelo Santos para a apresentação do projeto “Desburocratização, eficiência e produtividade nas obras de infraestrutura no estado do Espírito Santo”, tema prioritário para a Federação.

A presidente da Federação, Cris Samorini, destacou na reunião que o Tribunal de Contas do Espírito Santo identificou que existem cerca de 290 obras paralisadas em todo o Estado. Esse número representa um investimento previsto de mais de R$ 1,2 bilhão em recursos públicos. Desse montante, 47% já foram aplicados, o que significa um gasto de quase R$ 592,4 milhões, sem que tenha sido gerado benefício algum à população.

O projeto foi desenvolvido a partir de um grupo de trabalho coordenado por Marcelo Santos, no qual foram discutidos os gargalos que impactavam no andamento de projetos públicos no Estado. “Esse projeto é resultado de um trabalho multidisciplinar que aponta os gargalos do setor. Elencamos uma série de sugestões legislativas para que possamos priorizar as expectativas da sociedade, com o máximo de respeito aos cofres públicos e ao meio ambiente”, disse Santos.

O grupo de trabalho é formado pelos poderes Legislativo e Executivo e também pela sociedade civil organizada, representada pelo Sindicato da Indústria da Construção Pesada do Espírito Santo (Sindicopes), Sindicato da Indústria da Construção Civil do Espírito Santo (Sinduscon), Associação Brasileira de Engenheiros Civis (ABENC) e Sindicato Nacional das Empresas de Arquitetura e Engenharia Consultiva (Sinaenco/SeçãoES). Esses atores elencaram portarias e leis que geram dificuldades para o andamento de obras no Espírito Santo.

PUBLICIDADE