CPI retira guarda de cachorro espancado por aposentado em Jardim Camburi

As imagens das câmeras do circuito de TV do prédio onde o agressor mora mostram o momento em que ele chega com o animal na coleira e do nada passa a desferir chutes e até socos contra o mesmo

0
26
O cão foi resgatado pelos integrantes da CPI dos Maus-Tratos

A CPI dos Maus-Tratos Contra os Animais, presidida pela deputada estadual Janete de Sá, recebeu uma denúncia de que um cachorro estaria sendo agredido pelo tutor no bairro Jardim Camburi, em Vitória. “As imagens das câmeras do circuito de TV do prédio onde o agressor mora mostram o momento em que ele chega com o animal na coleira e do nada passa a desferir chutes e até socos contra o mesmo. O animal fica acuado diante das agressões e é arrastado pela coleira até o apartamento. Imediatamente designamos uma equipe para ir ao local tomar as providências cabíveis”, relatou a parlamentar.

Acompanhada por policiais militares e uma equipe da Gerência do Bem-Estar Animal de Vitória e da protetora Thereza Rachel, autora da denúncia, a CPI foi até o apartamento do agressor, um bancário aposentado. “No local encontramos o aposentado e o filho que relatou que o mesmo é dependente químico, razão pela qual teria agredido o animal. Diante da agressividade que ele manifesta contra o cachorro, o animal e um pássaro que estavam no imóvel ficaram sob a responsabilidade do filho dele“.

A CPI irá acompanhar se os animais irão receber a atenção devida, uma vez que não encontramos indícios de práticas de maus-tratos que pudessem resultar em prisão do agressor”, ressaltou ainda a deputada Janete. Além da destinação dos animais a um tutor responsável, a CPI solicitará da prefeitura de Vitória que providencie acompanhamento psicossocial do aposentado pelo CRAS – Centro de Referência de Assistência Social de Vitória.

PUBLICIDADE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui