Cocaína avaliada em R$ 90 milhões é apreendida em barco

A droga estava em uma embarcação perto da Praia do Ribeiro, em Vila Velha

0
180
Foto: Divulgação / Polícia Federal Os 380 kg da droga foram apreendidos um dia após a Operação Solis, que contou com a participação da PF, dos Gaecos de São Paulo e do Espírito Santo, da PM e da PRF

Um dia após a apreensão de pouco mais de 500 kg de cocaína, durante uma operação conjunta entre os Grupos de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado de São Paulo e do Espírito Santo, das Polícias Militar, Rodoviária Federal e Federal, a PF apreendeu na manhã desta quarta-feira 08 mais 380 kg da droga.

Segundo informações da Polícia Federal, a droga estava em uma embarcação perto da Praia do Ribeiro, em Vila Velha. A nova apreensão é um desdobramento da Operação Solis. Uma equipe do Notaer registrou o momento em que dava apoio à ação que culminou na apreensão de 380 kg de cocaína que estava na embarcação.

O superintendente da PF no estado, Eugênio Ricas, disse que acredita que essa droga tenha vindo de outros países, o que demanda uma grande articulação do crime organizado. “O trabalho é focar nas grandes facções criminosas e descapitalizar o crime organizado retirando de circulação as drogas“, afirmou Ricas.

O superintendente disse ainda que as investigações continuam e que o tráfico de drogas é muito dinâmico. Quando perguntado se há previsão de novas operações, Ricas disse que elas podem ocorrer. “Pode ser que amanhã ou depois tenham novidades“, pontuou.

A PF disse ainda que o prejuízo financeiro dos criminosos é estimado em R$ 90 milhões. Além da cocaína, a embarcação onde foi encontrada a droga também foi apreendida. De acordo com o Superintende, nenhum suspeito foi preso na operação, mas as investigações irão continuar.

PUBLICIDADE